Inverno 2017 Isolda; estampas, branco e alguns tons vibrantes em ‘Jacarandá’

isolda_inv17_post1

Por A mais B, moda: As belíssimas estampas em silhuetas contemporâneas em Jacarandá, o inspirado inverno 2017 da Isolda (Fotos: Vicente de Paulo)

Beth Barra

A Isolda lançou Jacarandá, seu inverno 2017 naquela que é uma das mais inspiradas coleções da grife criada por Juliana Affonso Ferreira e Maya Pope. A dupla viajou à Bahia dos séculos 18 e 19 e trouxe desse mergulho referências para os looks, que vêm da riqueza colonial e da influência africana, e da própria história delas, que cresceram no Horto Florestal, em Salvador, e na rua que dá nome à collection. A belíssima estamparia; ora aquarelada com flores e frutos sobre fundo cáqui claro; ora no preto sobre o branco ou printada sobre o verde. Buganvílias, mangas, pintinhas de galinha d’angola estão em vestidos, saias, camisas, casacos 3/4, calças.

Essas estampas, que representam o Brasil colorido, não têm nada de over. O aquarelado dá um efeito vibrante, mas também requintado. Os tons que surgem dos prints são tão convidativos que despertam desejo imediato por uma peça. E há várias curingas, como as jaquetas de fecho frontal e as camisas de mangas curtas ou longas. Vermelho e azul são duas cores em destaque da cartela, que traz ainda o white na renda richelieu em puro linho, uma referência ao costume de usar branco às sextas-feiras.

O vestido longo em renda, trabalhado em camadas de babados e decote nas costas em seu modelo longo é um dos best sellers do inverno 2017 da Isolda. Outras peças em branco, que na campanha de lançamento da coleção, surgem em dueto com outra peça estampada, top + saia ou vice versa.

isolda_inv17_post2

Por A mais B, moda: O branco remete à tradição de uso nas sextas-feiras da Bahia, chega em renda richelieu em puro linho no inverno 2017 em Jacarandá, da Isolda (Fotos: Vicente de Paulo)

Detalhes artesanais dão delicadeza a muitos dos looks – como a aplicação de bordados no macacão cáqui claro, que pode ser usado com camisa. Uma coleção para mulheres adultas em silhuetas diversas – vestidos mais curtos de modelagem soltinha, mas não ampla. Ou os longos com fendas, que ganham informalidade em dupla com jaqueta, saias com estampa floral localizada, entre elas um tom intenso de azul, roda discreta, na altura dos joelhos.

As modelagens contemporâneas e requintadas de vestidos, saias, macacões, camisas, jaquetas e peças leves em tops ombro a ombro. Um tempero da Bahia de todos os santos em uma coleção para o mundo, que traz, ainda, modelos mais luxuosos com brocados dourados, discretos e lindos, em edições cocktail e acompanhadas de casacos. Ou longos franjados que remetem a divas e também a joias em looks requintados e que não destoam do tema da coleção, mas a complementam. Entre os tecidos, além da renda dos belos brancos, Seda, organza, crepe, linho, algodão e couro.

#bethbarra
beth.poramaisb@gmail.com
bethbarramoda@gmail.com

Leia MAIS
Moda

Por A mais B, moda: Looks da coleção Jacarandá, inverno 2017 da Isolda (Fotos: Vicente de Paulo)
« 1 de 10 »