Monochomes da Pucci

00_oh_vivre_pucci_monochromes_post1aPor A mais B, Oh! Vivre: As cinco cores da Monochomes da Pucci com os tons que envolvem muitas das célebres estampas da label italiana, na sequência Geranio, Pervinca, Menta, Arancio e Turchesse (Divulgação)

00_oh_vivre_pucci_monochromes_post2Beth Barra

Geranio (373), Pervinca (154), Menta (269), Arancio (326) e Turchese (197) formam a paleta da cápsula Monochomes da Pucci. A label italiana, celebrizada desde 1951, ano de sua fundação, pelas estampas ora geométricas, ora abstratas, ora evocando a paisagem mediterrânea, levou para essa coleção as cores que se misturam em combinações vivas e inspiradas nos desenhos originais do criador da grife. Colorista refinado e amante das artes o Marquês di Barsento era chamado ‘The Prince of Prints’ (Princípe das Estampas) por suas telas pintadas em seda. A collezione, disponível no e-commerce da marca, e também em lojas físicas selecionadas (*), traz peças intercambiáveis em clima ‘dolce far niente’ remetendo a viagens de férias, mar, alegria em itens como pullover leve, short, bermuda, camisa, calça de linhas retas e sequinha, t shirt e os desejados tênis.

Adicione as duas opções do foulard mixando os cinco tons dessa aquarela iluminada da cápsula Monochomes da Pucci. Uma coleção que provoca desejo imediato com as cores sólidas que sintetizam o espírito libertário e a elegância sem esforço das criações da label italiana. As peças vão além do ‘imaginário dolce far niente’ migrando para looks urbanos e sem o selinho de datadas. Nas cinco cores, matizes delicados como em turchese; vibrante no geranio, aquática no azulado de pervinca, celebrando sol e verão com o menta e arancio.

00_oh_vivre_pucci_monochromes_post8Por A mais B, Oh! Vivre: Duas estampas com as cinco cores da cápsula Monochomes da Pucci nos foulards que complementam a coleção (Site da marca)

“…Cada tom natural pode ser combinado…” (Emilio Pucci). Essa é a gramática visual  de cores e desenhos desenvolvida pelo criador italiano em suas coleções ‘free moving’ (movimento livre), que balançaram o coração das mulheres do mundo a partir dos anos 50. Após sua morte em 1992, vários estilistas assumiram a direção criativa da label, entre eles o genial Christian Lacroix, que revigorou a grife, então em período de declínio. Depois do mestre francês, a Pucci foi assinada por Matthew Williamson e Peter Dundas.

O jovem talento Massimo Giorgetti assumiu em 2015 e deixou uma herança cool e contemporânea. Ele deixou a marca em março do ano passado, que optou por consultores para o desenvolvimento das colleziones junto com a equipe de estilo, entre eles o belga Josephus Thimister, um dos nomes que revigoraram a Balenciaga.

(*) Loja Emilio Pucci no Brasil – Shopping Cidade Jardim – São Paulo

#poramaisb – #bethbarra
beth.poramaisb@gmail.com
bethbarramoda@gmail.com

Leia MAIS
Oh! Vivre
Emilio Pucci, uma celebração ao ‘The Prince of Prints’ nos 24 anos de sua morte

00_oh_vivre_pucci_monochromes_geranio_post3Por A mais B, Oh! Vivre: Clima ‘dolce far niente’ e peças intercambiáveis na cápsula Monochomes da Pucci, cor Geranio (Site da marca)

00_oh_vivre_pucci_monochromes_pervinca_post5Por A mais B, Oh! Vivre: Clima ‘dolce far niente’ e peças intercambiáveis na cápsula Monochomes da Pucci, cor Pervinca (Site da marca)

00_oh_vivre_pucci_monochromes_menta_post4Por A mais B, Oh! Vivre: Clima ‘dolce far niente’ e peças intercambiáveis na cápsula Monochomes da Pucci, cor Menta (Site da marca)

00_oh_vivre_pucci_monochromes_arancio_post7Por A mais B, Oh! Vivre: Clima ‘dolce far niente’ e peças intercambiáveis na cápsula Monochomes da Pucci, cor Arancio (Site da marca)

00_oh_vivre_pucci_monochromes_turchese_post6Por A mais B, Oh! Vivre: Clima ‘dolce far niente’ e peças intercambiáveis na cápsula Monochomes da Pucci, cor Turchese (Site da marca)

Os comentários estão desativados.

Categoria: OH! Vivre